fbpx

Quatro aplicações financeiras para ganhar dinheiro com dólar

Redação DuMoney 25 de julho de 2018 atualizado às 15:51

As flutuações da moeda americana têm impacto na economia brasileira. Mas quais fatores influenciam o valor do dólar e como podemos lucrar com ele? Veja quatro aplicações financeiras para ganhar dinheiro com dólar

 

investir em dólar

É possível investir na moeda americana mesmo valorizada / Schutterstock

 

Em momentos em que a instabilidade política afeta a economia, uma pergunta que não cala é: dá para ganhar dinheiro com a valorização do dólar?

É muito difícil prever a cotação de um ativo tão volátil, mas a notícia boa é que alguns investimentos podem aproveitar as flutuações da moeda.

Segundo o coordenador de MBA de Gestão Financeira, da FGV, Ricardo Teixeira, existem três fatores que afetam o valor do dólar: taxa de juros nos EUA elevada; crescimento da economia americana; e real se desvalorizado no exterior. Logo, é preciso ficar atento a esses cenários antes de investir na moeda americana.

ALGUMAS VANTAGENS

Em geral, ativos como o dólar são mencionados por especialistas como instrumentos financeiros de proteção do patrimônio. Traduzindo: numa situação de crise, ter uma parte dos investimento em dólar ajuda na proteção das turbulências locais.

LEIA MAIS: Por que damos mais importância às perdas do que aos ganhos

 

Mas por se tratar de moeda estrangeira, alerta Teixeira, não existe investimento seguro. “Quando se quer um investimento para alavancar, a segurança é inversamente proporcional ao retorno que você vai ter. Toda vez que você está buscando um ganho razoável, você está abrindo mão da segurança total.”

Pensando nisso, de acordo com Teixeira, o DuMoney listou algumas maneiras de investir na moeda americana mesmo valorizada. Veja abaixo:

1. Ações na bolsa

Se você está confiante de que a economia mundial vai continuar crescendo ou que uma determinada empresa está com bons resultados, pode investir em bolsas estrangeiras – que envolvem os mesmo riscos de ações brasileiras. Nesse caso, Teixeira alerta que deve-se ficar atento: “Existem algumas possibilidades de ganho.

Uma delas é com a valorização das ações combinada com o aumento do preço do próprio dólar. Ou seja, se você comprou em dólar uma ação, e a moeda americana valorizou ainda mais em relação ao real, o investimento pode ser bem vantajoso.

2. Fundos cambiais

“Para quem acredita na desvalorização do real, mas não necessariamente acredita que a economia mundial vai continuar crescendo e não teria muito o que ganhar na bolsa, pode sempre investir em fundos cambiais”, afirma o professor. É uma das formas mais práticas de ter exposição ao dólar já que esses fundos investem pelo menos 80% da carteira em moedas estrangeiras, entre elas, a americana.

Como qualquer investimento, é preciso pesquisar bastante antes de escolher um fundo cambial. Observe sempre o valor mínimo inicial para aplicação, existem fundos cambiais que permitem investimento a partir de R$ 1 mil, por exemplo.

3. Dólar em espécie

Raramente, um especialista em finanças pessoais vai recomendar a aplicação em papel-moeda, ou seja, comprar dólar em espécie como uma alternativa de investimento.

Além de ficar com o dinheiro preso, sem poder aproveitar os momentos de alta, há riscos, como possibilidade de roubo, e os custos, caso deseje trocar dólar por real. Sem contar que o papel-moeda vai se deteriorando ao longo do tempo.

Comprar dólar em espécie é uma opção vantajosa se você tiver objetivos no curto ou médio prazo de fazer um curso no exterior ou mesmo viajar com a família, por exemplo. Nesse caso, uma das regrinhas é ir comprando dólar aos poucos. Com isso, chega-se a um “preço médio”, de modo a tentar diminuir os efeitos da oscilação da moeda.

4. Contratos futuros de dólar

Outra maneira de se investir em dólar é comprar contratos futuros de dólar na Bolsa de Mercadorias e Futuros (BM&F). Esse tipo de aplicação pode ser utilizado como forma de proteção para quem vai precisar arcar com pagamentos na moeda americana no futuro.

Exemplo disso é a pessoa que planeja viajar e deseja garantir que o dólar não vai subir até a data da viagem. Ao comprar um minicontrato de dólar no mercado futuro, caso a moeda se valorize, o investidor ganha a diferença; do contrário, se a cotação cair, a pessoa perde, mas acaba desembolsando menos com hospedagem e outros custos em dólar.

Em Investimentos

Recomendadas para você